Rádio une bebida, futebol, narração de locutores e mesas de bar

Em dia de jogo do time, um torcedor clássico ou vai ao estádio ou reúne os amigos para assistir à partida. E, se está em um grupo, vai querer ouvir o seu programa de rádio preferido, comprar uma bebida, comentar os lances, acompanhar a partida pela televisão e relembrar jogadas históricas. Em Belo Horizonte, o Itatiaia Rádio Bar uniu a dobradinha futebol e narração para lançar um negócio.

Pela proposta, os torcedores não apenas ouvem rádio, eles vão à rádio “assistir” ou “ouvir”os jogos dos seus times. Para o veículo, o novo estúdio avançado de transmissão aproxima o ouvinte dos locutores e jornalistas, reforça marca, envolve o público. Numa época em que o jornalismo busca engajar para fidelizar audiência, o resultado da iniciativa merece ser monitorado. O bar também é uma forma de diversificar a renda do negócio de mídia hoje dependente da publicidade. 

Imagem